Cerca de 150 caminhoneiros serão alvos de atividade de proteção à saúde que será desenvolvida neste sábado (14) pela Fundação Municipal de Saúde (FMS), da Prefeitura de Teresina, em mobilização educativa que ocorrerá no Posto Cacique, localizado no Km 12 da rodovia BR 316. As coordenações de DST/AIDS, Tuberculose e Hanseníase da FMS vão realizar palestras, vacinação e consultas médicas direcionadas a esse segmento de trabalhadores.

A atividade é resultado de parceria entre a FMS e a empresa Cacique, visando o fortalecimento da prestação de serviços de saúde aos caminhoneiros, diminuição da incidência de doenças sexualmente transmissíveis (DSTs, AIDS, hepatites virais, hanseníase e tuberculose), diminuição de acidentes de trânsito por uso de drogas lícitas ou ilícitas e também para elevar a autoestima dos motoristas.

O coordenador de DST/AIDS da FMS, Kledson Augusto Batista, revela que durante a ação, que acontecerá das 7h às 17h, serão realizadas consultas médicas para o tratamento sintomático de DST, vacinação contra a hepatite B, febre amarela, difteria e tétano (DT), busca ativa de sintomáticos respiratórios e manchas suspeitas de hanseníase, palestra sobre hepatites virais, DSTs e AIDS e redução de danos relativos à essas doenças entre os caminhoneiros, aferição de pressão arterial e glicemia capilar para detectar hipertensão e diabetes.

Segundo o coordenador, a Fundação vai buscar despertar entre os motoristas uma análise crítica e reflexiva sobre educação para sexualidade e sexo seguro, além de alertar para a importância da prevenção contra as drogas. “Os caminhoneiros, pela própria condição profissional e estilo de vida, são mais suscetíveis aos potencials de contaminação, e muitos deles demonstram pouco conhecimento sobre essas doenças, mesmo tendo certa noção sobre a importância da utilização de preservativos”, explica Kledson Augusto.

Para o desempenho das atividades, a FMS disponibilizará dois médicos infectologistas, dois enfermeiros, dois técnicos de laboratório e dois técnicos de enfermagem, além das vacinas contra a hepatite, DT e febre amarela, bem como os equipamentos para a realização dos exames, medicamentos e preservativos.

 

Advertisements