Aumentou de dez para 25 o número de unidades de saúde da rede de saúde da capital interligadas ao Centro de Diagnóstico Raul Bacelar por meio do sistema online softlab de gerenciamento de produção de exames laboratoriais. Essa ferramenta da internet, instalada pela Fundação Municipal de Saúde, da Prefeitura de Teresina, permite maior agilidade e rapidez na liberação dos resultados dos exames, via online, na própria unidade de saúde.

Depois do envio das amostras ao laboratório, o softlab automatiza o acolhimento do pedido, registra os resultados mediante interface automática com os aparelhos que executam os exames e libera os resultados para o paciente na unidade de saúde.

Desta forma a maioria dos exames está sendo liberada em 24 horas. “Os pacientes com suspeita de dengue ou internados recebem o resultado no mesmo dia, o que também ocorre com os hemogramas e os exames de rotina”, explica o diretor administrativo do Raul Bacelar, João de Oliveira Castro. Outros tipos de exames, como os hormonais, para detectar possíveis doenças infecciosas como sífilis, chlamydia (DST), hepatites A, B e C ou presença de vírus como o HIV, têm os resultados liberados entre 24 e 72 horas.

Para ampliar ainda mais o número de unidades de saúde interligadas ao sistema, a FMS está providenciando a compra de equipamentos de informática para os centros de saúde que ainda não possuem esses aparelhos e viabilizando a instalação de links que permitam aumentar a velocidade da internet banda larga. “Com essa estrutura, toda a rede de saúde da capital estará interligada ao laboratório”, salienta a gerente de Informática do Raul Bacelar, Patrícia Virna.

Somente no mês de janeiro deste ano, foram realizados pelo laboratório 152.204 exames, e em fevereiro, 147.329. “Em média, realizamos 6,9 mil exames por dia e de 130 mil a um pouco mais de 150 mil por mês”, calcula. “O Raul Bacelar processa ainda de 3.500 e 5.000 exames de citologia por mês, como o de papanicolau”, explica Patrícia Virna.

Unidades de saúde interligadas ao Raul Bacelar

Zona Leste-Sudeste – Maternidade Wall Ferraz, Centros de Saúde da Piçarreira, Planalto Ininga, Vila Bandeirante, Novo Horizonte e Planalto Uruguai, Hospital do Satélite e Hospital do Dirceu Arcoverde.

Zona Centro-Norte – Centro de Saúde Integrado Lineu Araújo, Centro de Convivência da Terceira Idade, Hospital da Primavera, Hospital do Buenos Aires, Hospital Oséas Sampaio,
Hospital Mariano Castelo Branco, Centros de Saúde Cecy Fortes, Nova Brasília e Água Mineral.

Zona Sul – Hospital do Parque Piauí, Hospital do Promorar, Hospital do Monte Castelo, Centros de Saúde do Angelim, São Pedro, Porto Alegre e Bela Vista.

 

 

Advertisements