O Teatro Municipal João Paulo II prepara-se para a Mostra de Resultados das Oficinas de Arte e Grupos Residentes. A programação estará concentrada em dois dias, 11 e 12 de dezembro de 2012, a partir da 18 horas, na Praça Aberta do Teatro.

Na primeira noite, 11, apresentam-se os Grupos da comunidade que, ao longo do ano, utilizam o espaço físico, salas de ensaio, para a criação e manutenção de suas manifestações culturais, nas áreas da dança (contemporânea, street dance, hip hop, capoeira), teatro e música performance. A ocupação de espaço pelos Grupos recebe a denominação de Residência e, por usufruírem desse serviço, gratuito, oferecido pela Prefeitura de Teresina, através da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves, o Teatro João Paulo II solicita uma participação, da atividade construída pelos Grupos, durante a Mostra de Resultados.

Na Mostra de Residentes, desse final de ano, se apresentam a Báttali Cia. Dança com as coreografias “Céu” (Conjunto), “Anatômico” (Solo) e “Entre Uns e Outros Eu”, assinadas por Beth Báttali; Grupo DC Dance, com a coreografia “Memórias de Titânio”; Grupo Furious Free Step, com “Composição- performance livre”; Grupo Stylo Livre, com a coreografia “Dançar é?”; Grupo Capoeira Contemporânea e Grupo Ideia de Teatro. Os convidados especiais da noite serão o Grupo Afro Cultural Afoxá, coordenado por Artenildes Afoxá, com a coreografia “Negros Olhos de Orvalho” e o Grupo All Street Songs, com a coreografia “Cidade Elétrica”, de Márcio Felipe.

Já na programação da Mostra de Resultados das Oficinas de Arte do Teatro João Paulo II, dia 12, optou-se, para este ano, homenagear o Centenário de Luis Gonzaga. O espetáculo coletivo “Sertão do Lua” reúne as oficinas de teatro, dança contemporânea infantil e adulta, dança/teatro da 3ª. Idade – Alfabetização do Corpo e o ballet clássico.

Reviver as memórias de Gonzagão, quando retorna a sua casa, após ter feito fama, é o enredo dramático que alia dança e teatro desenvolvido no terreiro da casa de Januário e Santana, seus pais. Há também uma homenagem aos pássaros e aves do sertão (sabiá, asa branca, acauã e ema) que serão emblematizados através dos figurinos dos bailarinos que interpretam as canções de Luiz Gonzaga.

O espetáculo homenagem “Sertão do Lua” tem o argumento de desenho dramatúrgico assinado por Maneco Nascimento; a dramatização das memórias de “Lua” ficou a cargo de Roger Ribeiro e as coreografias, a partir do cancioneiro nordestino gonzaguiano, são assinadas pel(o)as instrutore(a)s Beth Báttali, Manuela do Monte, Janayra Oliveira, Vanice Oliveira e Sidh Ribeiro.

Mostra de Residentes, dia 11 de dezembro, e “Sertão do Lua”, dia 12 de dezembro, a partir das 18 horas, na Praça Aberta do Teatro Municipal João Paulo II. A chegada ao “Sertão do Lua” é franca e a Praça é de todos.

 

Advertisements