Neste sem data prevista hoje pela agência de notícias KCNA, imagem oficial da Coréia do Norte, o líder norte-coreano está a visitar uma fazenda de preservação e reprodução de tartarugas aquáticas.  AFP

 Trabalhadores de uma fazenda de preservação e reprodução de tartarugas de água doce na Coréia do Norte certamente gostariam de não estar no recinto quando o líder norte-coreano Kim Jong-un, perdeu a paciência e atacou os trabalhadores do local. O jornal oficial norte-coreano mostrou uma foto de seu líder com nervos à flor da pele e dedo em riste enquanto passava uma bronca nos trabalhadores.

Uma foto na primeira página do jornal oficial do partido, o Rodong Sinmun, mostrou Kim de cara brava e apontando o dedo como se repreendesse os presentes, que tomavam notas sobre os seus blocos de anotações.

O líder norte-coreano “criticou duramente o fracasso dos seus funcionários como uma manifestação de incompetência, forma ultrapassada de pensamento e estilo de trabalho irresponsável”, disse a agência de notícias KCNA, oficial norte-coreana, em um relatório sobre a visita.

 

 

Advertisements