Aqui o que pode ser feito caso o diretório ‘root’ apareça estar em 100% ou quase isso e você não consegue ver qual os arquivos grandes responsáveis por isso.

No Linux, você pode facilmente voltar a montar toda a partição raiz (ou qualquer outra partição) para outro local em seu sistema de arquivos, vamos usar nesse caso /mnt, por exemplo:

mount -o bind / /mnt

 

Agora é usar um comando para localizar grandes arquivos [você ajusta o tamanho] que estejam aí e não sejam mais necessários (com o devido cuidado claro):

find /mnt -type f -size +40000000c -exec ls -sh {} \;

C[1].jpg